Do acidente à poesia

Aos resquícios das almas dos homens que foram,
às mentiras contadas e aos olhos abertos,
às línguas ocultas nas bocas caladas,
às mentes fechadas e às verdades incertas.

Aos amantes secretos e aos segredos descrentes,
aos papas, aos padres e a todos os crentes,
às putas, às santas e aos delinquentes,
a todos que vivem no meio da gente.

Aos internos, ao materno e ao patriarcado,
aos deuses, aos santos, e aos desesperados,
a tudo que é livre ou que está condenado,
a todo demônio que incita o pecado.

Aos pedestres, pedintes e aos motoristas,
aos mendigos, aos ricos e aos comunistas,
aos machistas, aos bandidos e aos exorcistas,
aos viados, artistas, e aos trapezistas,
aos fascistas, aos tristes, e aos anarquistas,
à escoria, às histórias, e aos otimistas.

Ao budismo, islamismo, evangelismo e aos demais,
aos ateus, aos católicos e até à satanás,
para os céus, para o purgo e para o inferno,
para o ontem, o hoje, o amanhã e o eterno.

Às crianças, ao aborto e ao coito animal,
aos fetos, às gravidas e ao cerne carnal,
ao choro, ao gozo, aos gemidos de vida,
ao éter, à morte e ao homicida.

Aos heróis, aos leigos e aos psicopatas,
a tudo que é lei, e a todo autocrata,
ao exílio, ao martírio e à revolução,
a todo bastardo com o cu mão.

Às virgens, aos sãos, aos loucos e aos maconheiros,
aos acrobatas, aos piratas e aos traiçoeiros,
a todos os contos e a todas as prosas,
a todos os versos e a todas as horas.

A tudo que é dito e ao que se escreve,
a tudo que é lido e que se esquece,
a todo escritor e a todo leitor,
ao livro fechado e ao início da dor.

A todos citados, um pouco de amor.

Frederico Brison.

Anúncios

2 comentários em “Do acidente à poesia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s